Intervenção na Afasia: Realidades e Desafios

120,00 100,00

Informações Gerais

Regime: Presencial
Duração: 12 Horas
Data: 11 e 12 Maio 2019
Horário:
Sábado das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00
Domingo das 9h00 às 13h00
Local: Porto – Avenida Sidónio Pais 379, Ed. B Sala 11, 4100-468 Porto
Inscrições até: 2 Maio 2019
Nº Vagas: 12 – 24

23 em stock

REF: SA11052019IR Categoria:

Descrição

Curso prático com apresentação de casos clínicos de forma interativa. Serão debatidos diferentes contextos de intervenção e a sua relação com diferentes metodologias de intervenção.

A inclusão de vídeos, imagens e conteúdos interactivos permitirá que cada um dos participantes aprofunde o conhecimento acerca de diferentes provas de avaliação, diagnóstico diferencial, mecanismos de neuroplasticidade e diferentes metodologias e materiais de intervenção.

Cada participante será incentivado a trazer os seus próprios casos clínicos para apresentação e discussão conjunta. Assim, o presente workshop pretende dotar os participantes de conhecimentos teóricos-práticos acerca da avaliação e intervenção em pessoas com afasia e permitir a discussão clínica de diferentes abordagens, materiais e metodologias de intervenção.

No final da formação, os participantes deverão ser capazes de:
– Sistematizar os conhecimentos relativos a diferentes mecanismos de neuroplasticidade após lesão cerebral;
– Analisar e Discutir as especificidades e potencialidades de diferentes instrumentos de avaliação;
– Analisar, discutir e reflectir sobre diferentes metodologias de intervenção para pessoas com afasia e a sua adequação a diferentes contextos institucionais;
– Analisar e discutir a aplicabilidade de diferentes materiais e recursos de intervenção para pessoas com afasia;
– Promover o raciocínio clínico através da discussão de casos clínicos.
– Revisão breve acerca dos mecanismos de neuroplasticidade após lesão cerebral;
– Princípios teóricos e especificidades dos casos apresentados;
– Análise e Discussão acerca das especificidades e potencialidades de diferentes instrumentos de avaliação;
– Diferentes modelos e metodologias de intervenção;
– Discussão do(s) modelo(s) de intervenção adequado(s) a diferentes contextos institucionais;
– Implementação um plano de intervenção em terapia da fala mais ajustado a cada caso;
– Apresentação e discussão de diferentes materiais e recursos de intervenção;
– Discussão activa dos casos apresentados pelos formandos.

inesrodriguesInês Rodrigues

Licenciada em Terapia da Fala pela Escola Superior de Saúde do Alcoitão.  Obteve um Mestrado em Patologia da Linguagem cujo tema se centrou na doença de Parkinson e conquistou um prémio de mérito científico atribuído pela Fundação D. Pedro IV.

Terminou o Doutoramento em Neurociências Cognitivas pela Universidade Católica Portuguesa, sob orientação do Professor Alexandre Castro-Caldas, com um trabalho que incidiu sobre os mecanismos de neuroplasticidade na recuperação da linguagem pós-AVC.

O seu percurso profissional tem integrado simultaneamente a prática clínica, a investigação científica e a formação. Desde 2005 que intervém com adultos com patologia neurológica em contexto de internamento e ambulatório, integrada uma equipa multi e interdisciplinar de técnicos de saúde e cuja intervenção é sempre centrada na pessoa e na família.

Tem uma pós-graduação em gestão em saúde e  frequentou inúmeras formações internacionais como o Full Institute no Aphasia Institute (Toronto); o Aphasia Training Course, na Connect – The Communication Disability Network (UK) ou o Intensive Course for Noninvasive Brain Stimulation no Department of Neurology, Beth Israel Deaconess Medical Center, Harvard Medical School, Boston, USA.

Actualmente exerce funções no Centro NeuroSer e é investigadora no Grupo de Investigação em Neurociências Cognitivas do Instituto da Ciências da Saúde da UCP.

Estudantes Finalistas e Licenciados em Terapia da Fala.

Formação Certificada por:

Entidade Certificada DGERT