Formação Processamento Auditivo na prática – Como desenvolver atividades para a intervenção

75,00 150,00 

*valor promocional para inscrições até dia 8 janeiro 2024

Informações Gerais

Regime: E-learning
Duração: 8 Horas
Datas e Horário:
28 de Janeiro de 2024 das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00
Inscrições até: 22 de Janeiro de 2024
Nº Vagas:  10 – 30
*A SeedGO reserva-se no direito de não realizar a formação caso não haja inscrições suficientes, procedendo-se à devolução do pagamento efetuado.

REF: SAU261122PAPCDAI Categorias: , Etiquetas: ,

Descrição

A perturbação do processamento auditivo central pode afetar a capacidade de escutar, a comunicação, o sucesso escolar e o bem-estar psicossocial. O objetivo geral da intervenção é fornecer ao indivíduo a capacidade de comunicar de forma mais eficaz nos contextos quotidianos (por exemplo, em casa, sala de aula, trabalho, comunidade). Esforços para melhorar o acesso à informação auditiva e a comunicação para indivíduos de qualquer idade requerem uma análise dos défices funcionais e recomendações específicas para mudança em todos os ambientes.

Os programas de intervenção devem considerar a(s) queixa(s) apresentada(s), o histórico do caso e os resultados da avaliação multidisciplinar.

O treino auditivo pode beneficiar uma ampla gama de competências percetivas e cognitivas e resulta em neuroplasticidade.

A neuroplasticidade sustenta o treino auditivo e requer que as atividades sejam suficientemente desafiadoras e repetidas por certo período de tempo para serem eficazes.

Uma abordagem de equipa para o tratamento é frequentemente utilizada, de modo a integrar todas as informações pertinentes acerca do caso. Dependendo das necessidades do indivíduo, os membros da equipa podem incluir um terapeuta da fala, um audiologista, o professor e sempre a família. A abordagem, a frequência e a intensidade do tratamento devem ser individualizadas com base nos pontos fortes e necessidades de linguagem e de comunicação, antecedentes e valores culturais, gravidade da perturbação e, sobretudo, evidências de pesquisa disponíveis.

Com esta formação vai conseguir:

  • Rever a teoria sobre o processamento auditivo e a atividade neurobiológica do sistema nervoso auditivo central;
  • Identificar e localizar as competências auditivas de acordo com as estações neurais a que as mesmas pertencem e os testes do processamento auditivo que se encontram alterados;
  • Aprofundar os conhecimentos sobre as estratégias de intervenção com a perturbação do processamento auditivo;
  • Capacitar o formando para a elaboração de atividade para o treino auditivo, utilizando o software Audacity e plataforma para criação de jogos online.

No final da formação vai ser capaz de:

  • Rever a base teórica sobre o processamento auditivo no que respeita à anatomofisiologia, competências, etiologia, sinais e sintomas;
  • Identificar as competências auditivas que deverão ser priorizadas no início da intervenção no que respeita a abordagem do treino auditivo;
  • Distinguir e assegurar abordagens de intervenção cientificamente comprovadas;
  • Criar atividades com base científica e com objetivos específicos para cada competência alterada.

Via auditiva central – Da cóclea ao córtex auditivo:

  • Definição;
  • Hierarquia – Estações neurais x Competências auditivas;
  • Diagnóstico – Resultados e Competências alteradas.

Intervenção com as perturbações do processamento auditivo:

  • Plasticidade neuronal;
  • Estratégias compensatórias;
  • Abordagem direta – Treino auditivo;
  • Metas de intervenção;
  • Elaboração de plano terapêutico.

Como desenvolver atividades para a intervenção:

  • Elaboração de exercícios práticos através do software Audacity, bem como, utilizando as plataformas para criação de jogos online.

As sessões de formação síncronas terão lugar na plataforma Zoom.

Entre sessões síncronas é aconselhada a comunicação entre participantes e equipa pedagógica através da ferramenta de trabalho Google Classroom.

Ferramentas da Formação Online E-learning

Formadora Roberta NevesRoberta Neves

Licenciada em Fonoaudiologia pela Universidade Veiga de Almeida (Brasil); Pós-graduada com Especialização em Psicopedagogia pela UERJ – Rio de Janeiro, Doutoranda em Estudos da Criança na especialidade de Saúde Infantil, pela Universidade do Minho. Investigadora integrada no Centro de Investigação em Estudos da Criança – CIEC.

Trabalhou como docente ministrando a Unidade Curricular Perturbações auditivas centrais na Universidade do Algarve. Co-Criadora do projeto Ciclo de Conferências: Perturbações auditivas – O conhecimento como caminho para a prevenção, uma parceria entre a Universidade do Minho e a Universidade do Algarve. Trabalhou como coordenadora científica e docente na Formação Processamento auditivo, comunicação e aprendizagem. Autora de artigos científicos com a temática do processamento auditivo.

Realizou comunicação em Congresso na área do processamento auditivo. Possui uma vasta experiência na área da Terapia da Fala, com ênfase na clínica atuando principalmente nas seguintes áreas: intervenção no défice do processamento auditivo; intervenção nas competências auditivas para o desenvolvimento da fala, linguagem, da leitura e escrita.

A formação tem como destinatários Terapeutas da Fala e finalistas do curso de licenciatura em Terapia da Fala.

✅ 10% DESCONTO em Material Didático da cresCER.
✅ 10% DESCONTO na formação Baby Signs da Bem Dita Terapia.
✅ OFERTA da 2ª APP da Happies.
✅ Oferta de CERTIFICADOS Sigo e SeedGO em formato digital e papel.
✅ Acesso a Grupo Privado e Exclusivo de Formandos SeedGO.

Formação Certificada por:

Entidade Certificada DGERT

Também pode gostar…