Formação: O papel do Terapeuta da Fala nas perturbações da leitura e da escrita

105,00 210,00 

*valor promocional para inscrições até dia 18 de Setembro de 2023

Informações Gerais

Regime: E-learning
Duração: 16 Horas
Datas e Horário:
7 de Outubro de 2023 das 09h00 às 13h00 3 das 14h00 às 18h00 (8h)
15 de Outubro de 2023 das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00 (8h)
Inscrições até: 2 de Outubro de 2023
Nº Vagas:  12 – 30
*A SeedGO reserva-se no direito de não realizar a formação caso não haja inscrições suficientes, procedendo-se à devolução do pagamento efetuado.

REF: SA190422PTFPLE Categoria: Etiquetas: , , ,

Descrição

Ler e escrever são competências basilares para a progressão académica e pessoal dos alunos. A presença de dificuldades de linguagem prévias e a identificação de dificuldades nos estádios preparatórios (JI) e iniciais (1º e 2º anos de escolaridade) de exposição à leitura e escrita, designadamente nos mecanismos de descodificação e codificação necessários à aquisição do princípio alfabético, podem comprometer o desenvolvimento do posterior da compreensão leitora e da produção escrita (Bishop et al, 2017).

As alterações na leitura e na escrita afetam muitas crianças e jovens (ASHA) e têm constituído uma preocupação por parte do Ministério da Educação que, na tentativa de colmatar estas dificuldades, tem vindo a promover a elaboração de materiais teórico-práticos com vista à intervenção mais dirigida na (e.g. Manual ABC, Plataforma L.E.R, Plano Nacional do Ensino do Português, entre outros).

Com efeito, a base linguística subjacente às perturbações da leitura e da escrita tem um sério impacto no desempenho académico dos alunos (Moura et al, 2019). Por este motivo, é de extrema relevância que os terapeutas da fala se munam de ferramentas suportadas em conhecimento teórico (científico) relativo a práticas educativas baseadas em evidência científica, de modo a que possam conduzir a sua intervenção de forma mais eficiente.

Considerando ainda o impacto que a situação pandémica teve sobre estas aquisições, uma vez que as crianças ficaram privadas do seu natural contexto de aprendizagem, torna-se ainda mais relevante o desenvolvimento de competências e de ferramentas que visem colmatar, de forma eficiente, as dificuldades de leitura e de escrita apresentadas pelas crianças acompanhadas em terapia da fala.

  • Aumentar o conhecimento teórico necessário para a avaliação, diagnóstico e intervenção na área da linguagem, na modalidade escrita;
  • Conhecer instrumentos, técnicas de ferramentas de avaliação e de intervenção;
  • Conhecer critérios de diagnóstico associados aos principais quadros clínicos com alterações na leitura e na escrita.
  • Conhecer os princípios teóricos-chave para a avaliação e intervenção na área da leitura e escrita;
  • Estabelecer relações entre as modalidades oral e escrita da linguagem e reconhecer o seu impacto na intervenção terapêutica;
  • Aplicar o conhecimento teórico adquirido à prática clínica;
  • Conhecer as competências a avaliar nesta área;
  • Identificar e selecionar os instrumentos de avaliação disponíveis para avaliar nesta área;
  • Contribuir para a identificação de características linguísticas promotoras de um diagnóstico diferencial;
  • Identificar e selecionar abordagens e metodologias de intervenção adequadas a cada caso;
  • Reconhecer abordagens clínicas baseadas em evidência científica.
  • Conhecer os pressupostos teóricos fundamentais:
    • bases neuroanatómicas da linguagem (oral e escrita);
    • aquisição da linguagem;
    • relação oralidade – escrita;
    • processos envolvidos nas primeiras etapas de alfabetização;
    • da descodificação à compreensão leitora;
    • relações fonologia-morfologia-ortografia.
  • Classificações e terminologia associada às perturbações da linguagem escrita;
  • Diagnóstico diferencial;
  • Orientações para a avaliação;
  • Instrumentos de avaliação da leitura e da escrita;
  • Orientações para a intervenção;
  • Abordagens de intervenção baseadas em evidência científica.

As sessões de formação síncronas terão lugar na plataforma Zoom.

Entre sessões síncronas é aconselhada a comunicação entre participantes e equipa pedagógica através da ferramenta de trabalho Google Classroom.

Ferramentas da Formação Online E-learning

Formadora Ana Margarida RamalhoAna Margarida Ramalho

É terapeuta da fala e exerce funções como tal no Hospital do Espírito Santo de Évora, E.P.E, e em clínica privada.
É pós-graduada em Neuropsicologia e Reabilitação, mestre em Ciências da Linguagem e da Comunicação e doutorada em Linguística, sendo, atualmente, membro integrado do Centro de Linguística da Universidade de Lisboa (CLUL). Neste âmbito, tem colaborado em vários projetos de investigação, nacionais e internacionais, de que é exemplo o Crosslinguistic Child Phonology Project, sedeado na UBC, Canadá.
As suas principais áreas de interesse centram-se na avaliação e intervenção nas perturbações dos sons da fala e da linguagem (oral e escrita), áreas em que tem desenvolvido investigação, formação e docência. Neste âmbito, tem exercido actividade docente em várias instituições de Ensino Superior portuguesas, na formação graduada e pós-graduada de terapeutas da fala.
É (co)autora de publicações nacionais e internacionais e de instrumentos de avaliação e de intervenção em terapia da fala
Foi membro do Departamento de Fala da SPTF, sendo atualmente membro do Departamento de Linguagem.

Terapeutas da Fala e estudantes finalistas do curso de Terapia da Fala.

✅ 10% DESCONTO em Material Didático da cresCER.
✅ 10% DESCONTO na formação Baby Signs da Bem Dita Terapia.
✅ OFERTA da 2ª APP da Happies.
✅ Oferta de CERTIFICADOS Sigo e SeedGO em formato digital e papel.
✅ Acesso a Grupo Privado e Exclusivo de Formandos SeedGO.

Formação Certificada por:

Entidade Certificada DGERT

Também pode gostar…