Discussão de casos Clínicos: Perturbações Alimentares na Infância

245,00 

*valor promocional para inscrições até dia 5 novembro 2021

Informações Gerais

Regime: E-learning
Duração: 9 Horas
Datas:
22 de Novembro
17 de Dezembro
25 de Janeiro
23 de Fevereiro
24 de Março
29 de Abril
Horário: 6 sessões de 1h30 das 19h30 às 21h00
Local: Online
Inscrições até: 18 novembro 2021
Nº Vagas:  4 – 8
*A SeedGO reserva-se no direito de não realizar a discussão caso não haja inscrições suficientes, procedendo-se à devolução do pagamento efetuado. Antes de comprar alojamento ou viagem, certifique-se connosco se a formação avança.

6 em stock

REF: SA220921DCCPAI Categoria:

Descrição

Enquanto profissionais responsáveis pela avaliação, diagnóstico e intervenção na patologia da comunicação humana, o terapeuta da fala deverá efetuar planos de intervenção, delinear estratégias e atividades para responder da forma mais eficaz e individualizada, às necessidades e expetativas das crianças com Fendas Palatinas e das suas famílias. A discussão de casos clínicos permitirá num ambiente controlado e dinamizador de partilha a discussão entre colegas de casos em intervenção e formas de trabalho com os mesmos. Este grupo será dinamizado por mentores especialistas na área que criarão atividades, momentos e formas de partilha que permitirão chegar a diferentes respostas e opções clínicas.
Este espaço funcionará como estrutura de apoio à prática clínica, onde os profissionais podem compartilhar experiências a fim de reforçar os seus conhecimentos e competências.

Os profissionais poderão assim:

  • Aumentar a sua segurança em termos de desempenho profissional;
  • Obter progressos mais eficientes e rápidos juntos dos seus utentes;
  • Aumentar a sua satisfação profissional.

• Analisar diferentes casos clínicos;
• Discutir metodologias de intervenção;
• Relacionar conceitos teóricos com formas e estratégias de intervenção;
• Efetuar análise e follow-up dos objetivos terapêuticos, plano de intervenção e estratégias aplicadas;
• Analisar diferentes tipos de atividades e materiais de acordo com os casos clínicos em análise;

1. Este processo será composto por 6 sessões de 1h30;
2. Uma sessão por mês;
3. Ao longo das presentes sessões serão debatidos casos clínicos que podem ser apresentados pelos participantes ou propostos pelo supervisor da área;
4. Em cada sessão será apresentado um caso clínico diferente e todo o grupo irá trabalhar com o objetivo de delinear plano de intervenção, responder a questões específicas sobre o caso em análise;
5. Será ainda feito o follow-up dos casos já apresentados de forma a analisar a sua evolução.

Ana MarquesAna Marques
Terapeuta da Fala do Unidade de Desenvolvimento da Criança do Hospital Central do Funchal. Mestre em Terapia da Fala – área de patologias da linguagem pela Universidade Católica Portuguesa (UCP), Doutoranda em Ciências da Cognição e da Linguagem pela UCP. Pós-graduada em Neurodesenvolvimento em Pediatria pela UCP. Pós-graduada Técnicas de Neurodesenvolvimento de Bobath pelo European Bobath Tuthors Association. Terapeuta da Fala responsável pelo protocolo da intervenção do terapeuta da fala na Unidade de cuidados intensivos neonatais e pediátricos do HCF. Apresentações orais em eventos científicos nacionais e internacionais, na área da motricidade orofacial, deglutição e linguagem. Publicações em revistas científicas e em livros de resumos de congressos. Formadora acreditada pelo Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua do Ministério da Educação, para a área de educação especial. Atividade de docência em mestrados e pós-graduações em terapia da fala nas áreas de motricidade orofacial, deglutição e linguagem em Portugal e Barcelona.
Vice-coordenadora do Departamento de Motricidade Orofacial da Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala e Membro da Delegação da Madeira da Associação Portuguesa de Terapeutas.

Terapeutas da Fala e estudantes finalista de Terapia da Fala